Guarulhos sobe da 11ª para a 9ª posição no PIB nacional

0
65

A cidade de Guarulhos subiu da 11ª para a 9ª posição entre as maiores economias do país, com um PIB de R$ 65,85 bilhões ao final de 2020, contra R$ 65,15 bilhões em 2019. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira (16) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A primeira colocação é da cidade de São Paulo, seguida por Rio de Janeiro, Brasília e Belo Horizonte.
A evolução de Guarulhos no ranking é constante desde que a atual administração assumiu, em 2017. No final do ano anterior Guarulhos era o 12º maior PIB do país, posição que se manteve em 2017 e 2018. Contudo, em 2019 já era o 11º e em 2020 (último dado disponível) passou para a 9ª posição. Na comparação com cidades do Estado de São Paulo também houve crescimento: Guarulhos passou de 4ª a 3ª economia estadual desde 2016, e no ranking divulgado nesta sexta ultrapassou Campinas, ficando atrás apenas da Capital e de Osasco.
“A nova pesquisa do IBGE mostra a força da cidade e nossa capacidade de gestão ao longo de 2020, o primeiro ano de pandemia. Muitas cidades verificaram queda na participação no PIB nacional, mas Guarulhos cresceu”, comentou o prefeito Guti.
O chefe do Executivo refere-se ao dado do instituto que mostra que Guarulhos apresentou crescimento em sua participação no PIB nacional, que em 2020 era de 0,87%, enquanto que São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Belo Horizonte perderam participação. Nesse quesito, Guarulhos também superou Campinas, que naquele ano tinha 0,86% de participação no PIB do país.
PIB per capita
O PIB per capita, ou seja, o Produto Interno Bruto dividido pela quantidade de habitantes de uma determinada região, também apresentou um crescimento substancial desde 2016 em Guarulhos. Ao final daquele ano o PIB per capita da cidade era de R$ 39.709,82, menor até do que o de 2014 (R$ 40.052,05). A partir de 2017, contudo, a elevação foi constante, culminando em R$ 47.301,43 ao final de 2020. –